Análise: Quem ainda precisa de escrita cursiva?

Stephen J. Dubner e Steven D. Levitt
A escrita cursiva está em declínio incontestável. Cada vez menos pessoas entre nós, jovens e velhos, fazem uso de caneta e papel. (…)
O ensino de escrita cursiva está desaparecendo rapidamente das escolas primárias americanas. (…)
Uma mudança dessas tem consequências sérias; afinal, a forma como nos comunicamos afeta quase todas as partes de nossa cultura. Logo, será que estamos perdendo algo essencial à medida que a escrita cursiva desaparece lentamente?
A resposta breve é sim –e uma das perdas pode ser nossa capacidade de processar nova informação de forma eficaz.

Fonte: Uol