Guilherme quer mobilização contra novo calendário escolar

DA REDAÇÃO DO O ESTADO ONLINE
online@oestadoce.com.br
Fonte: CM FOR

A alteração no calendário escolar da rede pública municipal de Fortaleza também foi questionada pelo vereador Guilherme Sampaio (PT). O parlamentar ressaltou o posicionamento do Sindiute, depois de assembleia com os professores, que decidiu não aderir à proposta da Secretaria de Educação para a redução dos dias letivos. “Esperamos que outras entidades retirem a assinatura deste pacto”, colocou.

O vereador Guilherme Sampaio (PT), também em pronunciamento na sessão, destacou o compromisso dos motoristas da CTC com a prestação dos serviços aos alunos da rede municipal. O petista cobrou um posicionamento da gestão municipal em relação à CTC. “O transporte escolar está ameaçado. É preciso que o governo responda quais são as suas intenções em relação à CTC”, atentou Guilherme Sampaio, destacando que a oposição irá acompanhar a situação.

(ED)