Alunos passam para Medicina

Mariana Pereira Ribeiro, 19, Ingrid Sousa Barros, 17, e Francisco José Cândido da Silva, 17 anos, estudantes de escolas públicas do município de Horizonte, foram aprovados para o curso de Medicina na Universidade Federal do Ceará (UFC) de Fortaleza em 2013.

Mariana – filha do mestre de obras Neidimar Paulino Ribeiro e da doméstica Ana Lúcia Coelho Pereira – conta que sempre gostou de estudar e aprendeu a ler com facilidade. “Desde criança, fazia minhas lições da escola sozinha. As professoras me elogiavam e até me chamavam de Mariana nota 10. Eu estudava, pois tinha um objetivo de vida, me formar em uma profissão que me realizasse e fosse possível dar uma vida melhor pra minha família”, afirma.

Já Ingrid foi morar em Horizonte em 2005, quando sua mãe, a costureira Maria do Socorro de Sousa Melo, recebeu uma proposta de trabalho. Lá, a adolescente conheceu Mariana, com quem estudava.

Em 2011, Mariana e Ingrid fizeram o Enem pela primeira vez e ambas foram aprovadas para o curso de Odontologia da UFC, mas como o curso que elas queriam era Medicina, decidiram estudar mais e tentar novamente no ano seguinte. As jovens passaram para o curso neste ano e aguardam ansiosas para o início das aulas, previstas para começar no dia 1º de abril.

Por sua vez, Francisco passava o dia na escola e quando chegava à noite em casa, continuava a estudar. O interesse pela área da saúde o motivou a se inscrever para o curso técnico de Enfermagem da Escola Profissionalizante Maria Dolores Alcântara e Silva, o antigo Liceu. O esforço e dedicação garantiram a aprovação para o curso de Medicina. “Nem acredito ainda. É uma sensação tão boa, que não tenho como descrever. Sempre quis ser médico”, comemora.

Diário do Nordeste

[youtube http://www.youtube.com/watch?v=Ck2JREQ2f7Y]