Greve de motoristas de transporte escolar deve afetar 10 mil estudantes

Motoristas da Companhia de Transporte Coletivo (CTC), empresa responsável pelo transporte de estudantes da rede de ensino público municipal em Fortaleza, entraram em greve na manhã desta sexta-feira (21). Segundo o Sindicato dos Trabalhadores em Transportes Rodoviários do Ceará (Sintro-CE), cerca de 10 mil estudantes terão o benefício diário interrompido.

FOTO: Rodrigo Carvalho.

De acordo com o presidente do Sintro-CE, Domingos Neto, a categoria reivindica o pagamento de horas extras e do segundo vale-refeição atrasados. Ele afirma que há cerca de três meses a categoria e o sindicato vinham discutindo com a CTC, mas nenhum avanço foi realizado nas mesas de negociações. Segundo o presidente, 100% da categoria, cerca de 140 motoristas, aderiu à greve.   

Pagamentos

Lorival Almeida de Aguiar, presidente da CTC, afirma que, devido a jornada de trabalho dos motoristas, responsáveis pelo transporte das crianças somente nas horas de entrada e saída nas escolas, a categoria tinha três horas de descanso, uma hora a mais da estipulada por lei. O presidente afirma que essa hora extra acarretava no pagamento de um segundo vale-refeição.

Devido à mudança no regime de trabalho no início de setembro, o horário de descanso foi reduzido para duas horas, e , por isso, os pagamentos do segundo vale-refeição foram interrompidos. Segundo o presidente, o pagamento do segundo vale-refeição anteriores a mudança na jornada de trabalho foram realizados.

Lorival Almeida destaca que não houve interrupção do pagamento do primeiro vale-refeição. “Nosso procedimento é legal e todos os documentos comprobatórios foram disponibilizados para o Ministério Público”, diz

O presidente da CTC também afirma que, por enquanto, ainda não há uma solução para garantir o transporte dos estudantes enquanto durar a greve.

O Sintro-CE e a CTC vão realizar uma nova rodada de negociação na próxima terça-feira (25), às 10h, na sede da Procuradoria Regional do Trabalho.

Diário do Nordeste