Justiça libera dinheiro bloqueado para pagamento de servidores

O juiz da 1ª Vara da Comarca de Canindé, Antônio Josimar Almeida Alves, realizou na tarde da última segunda-feira, 10, uma audiência com representantes do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Canindé SINDSEC e alguns Secretários do Governo Municipal para deliberar sobre o pagamento de salários atrasados dos funcionários do Município, por ocasião de uma Ação Judicial impetrada pelo SINDSEC.

As contas do Município referentes ao FUNDEB, FPM e ICMS do Banco do Brasil e Caixa Econômica Federal que haviam sido bloqueadas pelo Juiz, foram desbloqueadas perante acordo entre as partes interessadas, exclusivamente para o pagamento de funcionários do município. 

Os servidores que receberão pagamentos são os da Educação efetivos e contratados, servidores que recebem pelo IPMC e alguns funcionários efetivos das secretarias do Fundo Geral, já que o montante não é suficiente para pagar todos os servidores, por conta que existem outras obrigações a serem compridas como o parcelamento de R$ 139 mil  já em atraso para pagamento do INSS.

Ficou deliberado, ainda, que os recursos que deverão entrar nas contas do Município nos dias 20 e 30 deste mês serão para dar continuidade a quitação da folha de pagamento dos meses em atraso. Mesmo assim de acordo com os membros do SINDSEC, os recursos ainda não serão suficientes para cumprir com o pagamento de todos os servidores.
Portal Canindé