Investir em gestão é desafio para melhorias

As escolas só conseguirão melhorar os resultados do Ideb quando houver investimento constante em gestão, na formação dos professores e em medidas de atração da família para o espaço de ensino e a vida escolar. Essa é a avaliação de especialistas ouvidos pelo O POVO.

Wagner Andriola, especialista em avaliação e professor da Universidade Federal do Ceará (UFC), defende que a postura de diretores e coordenadores faz diferença na conquista de bons resultados. “A atuação do professorado é outro fator importante. Elevada motivação para o exercício profissional é fundamental”, considera. Além disso, Andriola avalia que ações de aproximação da família do espaço escolar são essenciais.

Sobre a evasão escolar, apontada por alguns gestores como desafio para a obtenção de bons resultados, Andriola indica ser importante o investimento em um ambiente escolar atrativo para os jovens. “Outra necessidade está ligada ao atendimento das necessidades do mundo do trabalho (formação técnica e profissional), principalmente para os alunos que desejem inserir-se no mercado de trabalho”, cita.

A secretária da Educação do Estado, Izolda Cela, destaca ser pequena a oferta de ensino fundamental na rede – já que essa é uma oferta que deve ser dos municípios. Porém, ela diz que todas as escolas são acompanhadas e desenvolvem projetos para atração dos alunos e incentivo de professores. (ML)

Mariana Lazari
O Povo