O professor que é 10

Educador de Campo Bom é um dos vencedores de premiação nacional sobre ideias inovadoras

Fonte: Zero Hora (RS)

Foi levando ideias inovadoras para a sala de aula que Jorge Cesar Barboza Coelho se tornou um Professor nota 10.

Não apenas na avaliação dos Alunos da Escola Municipal Borges de Medeiros, de Campo Bom, no Vale do Sinos, mas também na opinião dos jurados da 15ª edição do Prêmio Victor Civita, do qual ele se tornou nesta semana um dos 10 ganhadores.

A inquietação na busca por novas ferramentas de Ensino da língua portuguesa foi o catalisador para a criação de projetos que despertem nos adolescentes das Escolas municipais o gosto por uma aula tida, muitas vezes, como desinteressante.

– A ideia é desenvolver projetos que estimulem os Alunos a escrever, se expressar verbalmente e ter capacidade de argumentação – observa Coelho.

O Prêmio Victor Civita identifica, valoriza e divulga experiências educativas de qualidade, planejadas e executadas em Escolas de Ensino regular. Cerca de 2,5 mil Professores, coordenadores pedagógicos e diretores de todos os Estados se inscreveram para concorrer. Cada um enviou material sobre um projeto desenvolvido em sala de aula, avaliado por especialistas.

Na segunda-feira, o Professor recebeu uma ligação dos organizadores do concurso. Havia sido um dos 10 vencedores. Como prêmio, receberá R$ 15 mil, em uma cerimônia no dia 15 de outubro em São Paulo.