PROFESSORES PODERÃO TER DIREITO AO 15º SALÁRIO

Iniciativa faz parte dos prêmios Escola de Valor, que consistem na valorização e premiação das experiências administrativas e práticas pedagógicas que demonstrem ter sucesso no enfrentamento dos desafios no processo de ensino e aprendizagem

Fonte: Jornal da Paraíba (PB)

O governador Ricardo Coutinho lançou ontem, no Palácio da Redenção, em João Pessoa, os prêmios Escola de Valor, para Professores e funcionários, e Mestres da Educação, exclusivo para Professores. Os prêmios garantem o pagamento até do 15º salários aos Professores e do 14º para funcionários que melhorarem a qualidade do Ensino nas Escolas da rede pública estadual.

Os prêmios fazem parte do Plano de Gestão Paraíba faz Educação e são iniciativa do Governo da Paraíba, por meio da Secretaria de Estado da Educação. Eles consistem na fomentação, seleção, valorização e premiação das experiências administrativas e práticas pedagógicas que demonstrem ter sucesso no enfrentamento dos desafios no processo de Ensino e aprendizagem.

Os editais de inscrições dos prêmios serão publicados hoje no Diário Oficial do Estado e também começarão as inscrições pelo endereço www.paraiba.pb.gov.br/educacao.

“A Escola que adote medidas, a exemplo da participação de Professores na formação continuada, melhoria do em índice de Educação básica (Ideb), que cuidem melhor da sua manutenção e melhorem a qualidade de Ensino estarão no final do ano recebendo um salário a mais para todos os profissionais”, explicou o governador.

Podem participar do Prêmio todas as Escolas da rede pública estadual de Educação básica, desde que preencham os requisitos do edital. Já o Prêmio Mestres da Educação contemplará exclusivamente os Professores que tiveram os trabalhos premiados. Durante o lançamento, Ricardo Coutinho destacou que não há limite de recursos para premiar Escolas e Educadores. “Não há limites para o pagamento dos prêmios para Professores e funcionários da Escola, o limite quem diz é o esforço da Escola. Se todo mundo melhorar a Educação na Escola pública estadual todos receberão os prêmios”, declarou o governador.

No lançamento dos prêmios, o Aluno Emanuel Felipe Mendes Moreira, 11 anos, do 6º ano da Escola Estadual João Úrsulo, de Santa Rita, revelou as mudanças ocorridas em sua Escola com a implantação das ações do programa governamental Paraíba Faz Educação, incluindo a Escola de Valor, Mestres da Educação e Escola Integral.

“Eu estudava de manhã e à tarde vendia macaxeira, até que entrei na Escola do governo do Estado, acho que há uns dois anos, e conheci o Faz Educação”, contou. Segundo ele, no Faz Educação teve oportunidade de frequentar oficinas de teatro, judô e muitas outras. Ele ainda revelou estar satisfeitos com a mudança que a Educação trouxe para sua vida. “Eu hoje estou feliz em saber que um dia eu vendia macaxeira e que hoje eu faço oficina que não é para todos. Meu pai dizia que antigamente ele ia estudar com pedaço de papel folha de pão, hoje, a gente ganha kits Escolares”, contou o jovem estudante.

Todos Pela Educação